sexta-feira, 10 de agosto de 2012

"Direitos humanos, deveriam ser para todos"

Oie...
Como estão todos? Espero que bem.
Eu estou ótima.
Como já mencionei a vocês as aulas começaram e como sou aluna de direito, penso que seja meu dever abordar alguns assuntos...
Sabemos que estamos ricos em desigualdade social, isso é bem óbvio, basta dar um passeio, parar na parada de ônibus, semáforos, ir a rodoviária, passar em frente a igreja, entrar no ônibus e em alguns instantes alguém já se aproxima pedindo dinheiro.
É direito de todo ser humano, ter o alimento, moradia, assistência médica, trabalho, vestimenta, educação entre outras coisas, isso é fato, é lei. Mas sabemos que não é bem assim que funciona, os direitos humanos não deveria ter ganhado esse nome e sim o nome de "direitos de uma comunidade", pois sabemos que não são todos que tem o privilégio desses benéficos, essa lei funciona pra quem tem dinheiro e consegue de certa forma " comprar" todos esses direitos.
A intenção aqui não é discutir política, que inclusive já é um assunto massante e difícil de conversar, hoje em dia o único assunto que é possível se tratar sobre a política é corrupção, não se existe mais benefícios a se discutir...
O que eu quero dizer é que o país está nu, e não digo a nudez somente de roupa, digo de respeito para com ser o humano, de amor a vida do próximo, de cultura, educação...
É fácil ter um país alienado, onde ninguém tem instrução suficiente pra gritar e lutar pelo que é seu de direito, é isso mesmo que o governantes quer... Comandar, mandar e ter quem obedece.
O que o país movimenta de dinheiro não é mixaria... Não dá para entender o porque do Brasil ainda alojar pessoas "barracos" de papelões no meio da rua e de ter tantos analfabetos, o sistema está funcionando da maneira errada, alguém tá embolsando muito mais do que deveria ...
Já fiz tratamento quimioterápico, no hospital do governo, e durante uma fase meus pais precisaram comprar fora a minha medicação, pois no hospital  estava em falta um medicamento que não poderia faltar jamais, se eu não podia esperar, imagine então quem estava em fase de atividade do lúpus e em progressão agressiva do câncer... Pouco caso com a vida humana não é mesmo?!
Quem paga por isso não é somente quem sofre com a desigualdade e sim todo resto, quem não encontra os benefícios e seus direitos de modo correto, buscará na forma errada, roubando, traficando... Isso não justifica o crime, mas vai entender o que passa na cabeça de alguém que sente fome, não  tem o que vestir , ou está com alguém doente em cima de uma cama...Ou seja, todos pagam pela falta de compromisso e zelo dos governantes com a vida humana. 
Enfim é isso...Queria deixar um pouco da  realidade Brasileira aqui. 
Quero pedir também orações por nossa Aninha, ela teve um câncer no rim a cerca de um ano, tudo ia bem, até repetir novos exames e com eles a suspeita de metáfase da doença nos dois pulmões... Minha amiga eu sei que a tristeza bate, o desespero, sei bem como é a dor de um diagnóstico, a angustia, as incertezas... Mas tudo é questão de tempo, tempo esse dirigido por Deus. Ande com fé, a força Deus te dar. Absolva o que te faz bem, você não precisa de nada que insulte sua paz, já é muita informação pra cabeça de alguém a descoberta de um câncer, a nós que estamos ao seu lado só cabe apoiar e ter paciência, no mais não nos cabe julgar... 






Beijinhos...da menina do blog.

7 comentários:

  1. Me has emocionado con tu valiente y emotiva entrada.Sin duda tu país no se merece la clase política que tiene , como el mío tampoco.El poder embrutece y deshumaniza , el dolor y el sufrimiento de los demás es visto desde su atalaya con indiferencia y lejano.Un fuerte abrazo.

    ResponderExcluir
  2. Amiga Ju!!!
    Vim saber como você está, e fico feliz em saber que você está bem.Realmente,fiquei triste também pela notícia da nossa amiga Aninha...Mas como já disse à ela, Deus há de guiar o caminho dela, e se há fé e perseverança, as coisas poderão ser vistas de um outro angulo.Mas é isso, que você tenha um ótimo Dia dos Pais, que comemore bastante junto ao seu papai o grande dia.Tudo de bom minha querida, fique com Deus!Um bjo amigo, Rubi.

    ResponderExcluir
  3. Passando para te deixar um BJÃO CURATIVO!
    Te Amodoro e torço por sua melhora, cuide-se
    e fique com DEUS!
    FELIZ DIA DOS PAIS!
    Ja abraçou e beijou o seu pai?
    Ja disse o quanto voce o AMA?
    Até meia noite da tempo...;)

    ResponderExcluir
  4. Oi menina do blog;
    Suas palavras sempre me tocam.
    E a música que você escolheu é
    um hino a vida. Estarei rezando
    pela a Aninha, por você e por nós.

    "Vamos precisar de todo mundo
    Prá banir do mundo a opressão
    Para construir a vida nova
    Vamos precisar de muito amor
    A felicidade mora ao lado
    E quem não é tolo pode ver..."

    Fica com deus,
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perdoe-me por escrever por aqui, mas sei lá pq não abriu meu retangulo, coisas q o tio não entende, aliás neste mundo dos pcs não pcisa muito para eu não entender, sou um tio à moda antiga, romantico, sonhador e nada entende de computador.
      Pra vc minha linda, linda menina do blog q me encanta e ao meu instinto levanta, vai meu carinho e feliz por termos uma neófta Bacharelanda em Direito já tentando fazer ecoar seu grito em nome dos menos favorecidos, bjos por esta atitude linda, q saindo de vc não poderíamos esperar nada menor. Meu carinho e minhas orações a Aninha q ela tenha mais uma vez forças para superar seu desafio de vida. Pra vc amiguinha, força e fé vai do tio Castanha bjos, bjose bjossssssssss

      Excluir
  5. Olá minha querida, Passei para te dar um beijo e fiquei sabendo que Aninha não está bem :(
    Que Deus a proteja como também a si meu anjo.
    Quanto a toda esta descriminação social, estamos a vivê-la também aqui em Portugal e se olharmos ao nosso redor o Mundo inteiro está nas mesmas condições.
    Há muita falta de amor, moral e os bons costumes já era!...Enfim!
    Beijinhos grandes e tudo de bom.

    ResponderExcluir
  6. Saberás que há pedras brancas na ilha
    Que a raiva é cegueira à maravilha
    O mar às vezes se veste de maresia
    Que um amor no amar confia?

    Saberás que às vezes escondo o coração à crueldade do mundo
    Que o que outrora desejava agora receio
    Que a minha desesperada mente combate a tua
    Que a ternura às vezes morre ao meio da rua
    Boa semana

    Doce beijo

    ResponderExcluir